quarta-feira, 6 de novembro de 2019

CALAMIDADE PÚBLICA E DESRESPEITO COM OS MORTOS EM BAIANÓPOLIS

      Nos últimos meses familiares de falecidos, estão preocupados com a falta de espaço no cemitério Senhor do Bonfim na sede de Baianópolis. É notório que a Prefeitura de Baianópolis tem que providenciar um novo local para que os munícipes possam ser sepultados.
                             
     O poder legislativo já fez várias indicações para que a prefeitura providencie um espaço adequado para que ocorra os sepultamentos. E, ainda, sugeriram como possível lugar um terreno que fica na saída do povoado de tabua nas proximidades da fazenda do Senhor "Jetu". A aprovação da Câmara é certa, visto que existem várias indicações para que isso ocorra.   Na tentativa de saber qual seria a medida adotada pela Prefeita Jandira, foi perguntado ao Secretário de Finanças, José Inácio Albéris, ele preferiu não falar sobre esse absurdo.

     Numa gestão anterior, já tentaram lotear de forma irresponsável em ano político, e, a população comenta que o terreno sirva para isso, para ser doado em época de campanha eleitoral.
     Segundo relato de munícipes, em alguns enterros estão sendo encontrados ossadas humanas de pessoas já sepultadas por causa da falta de espaço e de locais não sinalizados.
     Até quando isso vai acontecer em Baianópolis? 
Vai esperar que um ente próximo não tenha espaço para ser enterrado para tomar providências? Isso é uma desonra aos mortos.
      Como sugestão, a população e vereadores podem solicitar ao Ministério Público que intermedeie esta situação, junto à Prefeita, pelo bem das famílias baianopolenses, que se tenha novo local para sepultar amigos e familiares.

Publicidade:

Nenhum comentário:

Postar um comentário