sexta-feira, 1 de novembro de 2019

30 MIL DE FIANÇA E PROFESSOR BAIANOPOLENSE ACUSADO DE PEDOFILIA É SOLTO NO PRESÍDIO DE BARREIRAS

 
Presídio de Barreiras - Foto: SEAP/BA

       Na tarde de hoje (01/11) por volta das 12:30 deu entrada no sistema carcerário do conjunto penal socializa - Presídio de Barreiras, o professor baianopolense Reycharles Gomes de Oliveira. O professor foi preso em operação chamada Dirty Web com cumprimento de mandados de busca e a apreensão cumpridos em 7 cidades baianas. 
     Segundo informações, os advogados impetraram habeas corpus e o Juiz estipulou valor da fiança em cerca de trinta (30) mil reais, valor pago, e foi feito o alvará de soltura, o pai do preso e um oficial de justiça baianopolense, aguardam os trâmites para liberação do professor que responderá novamente pela terceira vez em liberdade.
       Com os acusados de pedofilia foram encontrados vários dispositivos de armazenamento de dados como Hds, tabletes, notebooks, pendrives e DVDs contendo milhares de vídeos em que crianças são submetidas a manter relações sexuais.
        A operação deu-se por uma denúncia em um caso no estado de São Paulo, e com uma força tarefa promotores, delegados, agentes e peritos da polícia civil conseguiram identificar uma rede destinada exclusivamente em transmitir os materiais pornográficos.


Link da prisão em Baianópolis:
https://www.ascomnoticias.com.br/2019/10/PRESOEMBAIANOPOLIS-REYCHARLES-operacao-dirty-web-prende-professor-baianopolense.html



Publicidade:


Nenhum comentário:

Postar um comentário